Cedec e Feam realizam capacitação em Proteção, Defesa Civil e Mudanças Climáticas

Curso tem como objetivo preparar os agentes de defesa civil e gestores municipais para atuarem nas suas cidades

imagem de destaque
Oficina deste mês de novembro foi realizada em Uberlândia, no Território Triângulo Norte
  • ícone de compartilhamento

O Governo do Estado, por meio da Gabinete Militar do Governador e sua Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), e da Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), concluiu mais uma Capacitação Regional de Gestão em Proteção e Defesa Civil e Mudanças Climáticas. A ação ocorreu em Uberlândia, Território Triângulo Norte, com foco em agentes da defesa civil e gestores municipais.

As capacitações têm como objetivo preparar os agentes para atuarem nos seus municípios, com vistas à minimização de perdas e danos e de ocorrência de acidentes de qualquer natureza. Durante as capacitações é aberto, também, espaço para participação e debate.

Durante três dias, 54 participantes discutiram sobre estratégias de prevenção, além de serem preparados para atuarem como agentes multiplicadores do conhecimento. 

Ao longo do curso, foram ministradas palestras sobre: Conceituação Básica em Proteção e Defesa Civil; Mapeamento de Áreas de Risco; Fundamentos de Meteorologia e Mudanças Climáticas; Legislação; Gestão de Recursos Naturais para Redução do Risco no Desastre; Abrigo Temporário; Plano Estadual de Combate à Dengue; Incêndios Florestais no Contexto de Mudanças Climáticas, entre outros. As aulas foram ministradas por analistas da Feam, da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), integrantes da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) e da Cedec.

O gerente de Energia e Mudanças Climáticas da Feam, Felipe Nunes, alertou os participantes sobre “a importância de se utilizar sistematicamente as modernas ferramentas de previsão meteorológica e climatológica disponíveis para gestão do risco de desastres”.

Além disso, Nunes ressaltou que “mais de 80% dos desastres em Minas Gerais estão relacionados a fenômenos meteorológicos e climáticos como secas, inundações e alagamentos, sendo, portanto, urgente investir em prevenção e preparação, uma vez que a maioria destes fenômenos são previsíveis e passíveis de monitoramento”.

Compareceram ao evento o comandante do 5º Batalhão de Bombeiros Militar, Tenente Coronel BM Casarim; o major PM Rodrigo, representando o coronel Cláudio Vitor, a comandante da 9ª região de Polícia Militar; tenente Borlina, do Exército Brasileiro, representando o comandante do 36º Batalhão de Infantaria Motorizado e a chefe da Polícia Rodoviária Federal em Uberlândia, inspetora Jane Santos.

O curso contou também com a participação de representantes dos municípios de Araguari, Capinópolis, Cássia, Ibiaí, Ituiutaba, Lagoa Grande, Monte Alegre de Minas, Ribeirão Vermelho, Ubaí, Unaí e Uberlândia.

A próxima capacitação regional está prevista para ocorrer no município de Leopoldina, de 28 a 30 de novembro (terça a quinta-feira).



Últimas