Ciclista beneficiado pelo Bolsa Atleta lidera ranking nacional de BMX

Aos 15 anos, Pedro Pussieldi é também 1º no ranking mineiro e 3º no ranking latino-americano

  • ícone de compartilhamento

Beneficiário do programa Bolsa Atleta da Secretaria de Estado de Esportes (Seesp), o ciclista Pedro Pussieldi é o líder do ranking Boys 15 da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC). O jovem de 15 anos, que compete no ciclismo BMX, mora em Florestal, na Região Metropolitana, e conquistou, além do 1º lugar no ranking brasileiro, o 1º no ranking mineiro e o 3º no ranking latino-americano em 2016.

Atendido pelo programa da Seesp pela terceira vez – atualmente na categoria Nacional – Pedro considera o benefício fundamental para seu desempenho. “Sem o apoio do Bolsa Atleta eu não teria conseguido participar de nenhuma competição internacional”, destaca. Em 2016, o ciclista pôde representar Minas Gerais na Argentina, no Chile e no Peru. Guilherme Pussieldi, pai e técnico do ciclista, também é contemplado pela Secretaria com o Bolsa Técnico.

Pedro Pussieldi, com seu pai e técnico, Guilherme Pussieldi - Crédito: Carlos Alberto/Imprensa MG

Pedro começou a praticar o esporte aos três anos e logo passou a se destacar em provas. “Participo de competições de BMX desde os cinco anos. Iniciei no Campeonato Mineiro de 2006, em Poços de Caldas”, relata. Sua grande inspiração é bicampeão olímpico na modalidade, o letão Māris Štrombergs, medalhista em Pequim 2008 e Londres 2012.

Para as competições de 2017, o mineiro já reúne grandes expectativas. “Planejo participar dos Jogos Sul-Americanos, me destacar no ranking brasileiro, ser finalista no Mundial, nos Estados Unidos, e participar do Campeonato Latino-Americano, na Bolívia, além da Seleção Olímpica da Juventude”, conta.

Além disso, Pedro já vislumbra os próximos Jogos Olímpicos. “Meu treinador acredita no meu potencial de participar em 2020, mas a maioria dos campeões se consagram próximos aos 23 anos, e em 2024 estarei com essa idade, quando acredito que tenho mais chances de vencer”, conclui.

Sobre o programa

O programa Bolsa-Atleta e Bolsa-Técnico tem o objetivo de garantir a manutenção da carreira dos atletas e técnicos de alto rendimento, buscando dar condições para que se dediquem ao treinamento esportivo e à participação em competições para o desenvolvimento pleno de sua carreira esportiva, de forma a manter e renovar periodicamente gerações de atletas com potencial para representar Minas Gerais nas principais competições nacionais e internacionais.

Neste ano, foram disponibilizadas 109 bolsas e, como no edital anterior, serão destinados R$ 1,13 milhão para o pagamento do benefício no prazo de um ano, com repasses em parcelas bimensais, cujos valores variam de acordo com categoria.



Últimas