Governo de Minas Gerais lança campanha de sensibilização quanto à escassez hídrica da bacia do São Francisco

Para incrementar a ação, Estado promove o I Prêmio de Boas Práticas “Salve o Rio São Francisco”. As inscrições estão abertas até 13 de setembro

imagem de destaque
Rio São Francisco
  • ícone de compartilhamento

Cenário de muitas obras ficcionais da literatura, música e cinema, o Rio São Francisco não somente encanta pela sua exuberância e bagagem histórica e cultural. As margens do chamado rio da integração nacional também são indispensáveis para o equilíbrio ambiental, além de importantes vetores de desenvolvimento econômico, turístico e social. Por esses motivos é que o Governo de Minas Gerais lança campanha informativa de sensibilização sobre a escassez hídrica na bacia do Rio São Francisco.

Neste contexto, o Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) realiza o I Prêmio de Boas Práticas “Salve o Rio São Francisco”, com inscrições abertas até 13 de setembro de 2017. Podem participar pessoas físicas ou jurídicas, empreendedores, instituições privadas e públicas e ONGs que executem ou tenham executado práticas ou projetos de autoria própria, nos municípios de Minas Gerais localizados na bacia hidrográfica do Rio São Francisco, que atendam aos critérios do edital e possuam regularização ambiental.

Crédito: Evandro Rodney

Quatro categorias serão premiadas: Empresas ou indústrias; Produtor rural; Prédios do poder público; Cidadão. Basta que o candidato tenha realizado uma ação destacável de uso otimizado da água do Velho Chico. Acesse aqui o edital. Acesse também os formulários: Categoria Cidadão ou Organização da Sociedade Civil;

Categoria Agropecuária;

Categoria Empresa;

Categoria Órgão Público .

O analista ambiental do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), Heitor Soares Moreira, convoca todos para uma abrangente mobilização. “Por mais que os órgãos responsáveis estejam se preparando, precisamos que cada cidadão abrace também a causa, se sinta sensibilizado e envolvido. Não importa o uso que ele faça da água, se é irrigante, industriário, criador de gado ou apenas para consumo próprio. Dependemos da disposição de cada um para nos ajudar. Por isso, a aproximação para uma grande força tarefa efetiva e abrangente”.

Participam das iniciativas o Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), o Instituto Estadual de Florestas (IEF), a Fundação Estadual do Meio Ambiente (Feam), a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) e a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

Parceria com a Fiemg

Em ação conjunta com a Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), o Sisema irá realizar, em seis cidades do estado, o workshop “Uso das águas na indústria e a convivência com a escassez hídrica”.

Os encontros serão destinados aos industriários no sentido de sensibilizá-los quanto ao à escassez hídrica, bem como apresentar caminhos para um uso mais racional da água, com detalhamento de boas práticas. Confira datas e locais:

6/9 - Belo Horizonte

19/9 - Montes Claros

22/9 – Divinópolis

26/9 - Patos de Minas

10/10 - Governador Valadares

11/10 - Ipatinga



Últimas