Saúde participa da abertura do 14º Congresso de Farmácia e Bioquímica de Minas Gerais

Com o tema “Profissão Farmacêutica: em cada caminho uma nova forma de cuidado”, evento reúne cerca de três mil pessoas

imagem de destaque
Congresso segue até o próximo sábado, 12 de agosto, no Minascentro, na capital
  • ícone de compartilhamento

O 14º Congresso de Farmácia e Bioquímica de Minas Gerais está em andamento, de 10 a 12 de agosto, no Minascentro, em Belo Horizonte. O evento tem como objetivo abordar assuntos prioritários da assistência farmacêutica, a fim de fomentar a discussão e reiterar o papel do profissional para a comunidade, estimulando seu lado empreendedor.

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), é um dos parceiros do congresso e marca presença em todos os dias do evento. Profissionais de Saúde do Estado estão entre os palestrantes para debater acerca do Programa Farmácia de Todos e do papel do farmacêutico na consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS), temas que estão sendo abordados no I Congresso de Assistência Farmacêutica do Sistema Único de Saúde, que integra parte da programação do 14º Congresso.
 
Durante a mesa de abertura do evento, o superintendente de Assistência Farmacêutica da SES-MG, Homero de Souza Filho, reforçou a abrangência e importância do evento no sentido de aprofundar as discussões acerca de temas tão presentes no dia a dia dos profissionais.

“O sucesso do evento pode ser comprovado pelo crescente aumento da participação dos farmacêuticos que atuam em saúde pública. No ano passado éramos cerca de 600 participantes e, neste ano já alcançamos 950”, reforçou.

Na ocasião, Homero destacou, ainda, o trabalho que vem sendo feito pelo governo de Minas para contornar a questão do desabastecimento de medicamentos.

“Eu costumo dizer que farmacêutico sem remédio na prateleira não trabalha. Então, nós trabalhamos fortemente para garantir o abastecimento da população e, desde que assumimos a gestão, em 2015, reduzimos em mais de quatro vezes o desabastecimento, até sermos acometidos pela crise financeira que o estado tem vivido. Mesmo assim, não deixamos de trabalhar para propor alternativas para continuar garantindo o acesso da população a medicamentos”, frisou. 
 
Uma das estratégias mencionadas pelo superintendente com o intuito de tornar a aquisição e distribuição de medicamentos básicos mais eficiente foi a Estratégia de Regionalização da Assistência Farmacêutica (ERAF), que consiste na cooperação técnica aos municípios na aquisição de medicamentos, com distribuição direta pelo setor farmacêutico.

Essa iniciativa, segundo Homero Filho, já vem apresentando resultados extremamente positivos. Os municípios que aderiram à estratégia desde que ela foi criada, em 2015, já conseguiram economizar mais de 17 milhões de reais por ano na aquisição de medicamentos. Além disso, a disponibilidade de medicamentos do SUS na Atenção Básica foi quadruplicada e os prazos de entrega reduzidos.

“Diante disso, conclui-se que nós não podemos limitar a nossa atuação a somente quando há recursos em abundância, principalmente diante da crise em que o Brasil como um todo se encontra. Precisamos propor alternativas inovadoras e engajadas para que possamos superar os desafios e atender a toda a população”, finalizou.

A presidente do 14º Congresso e vice-presidente do CRF-MG, Elaine Coelho Baptista, destacou a relevância das parcerias, entre elas a da SES-MG, para a realização do maior evento farmacêutico do estado.

“A Superintendência de Assistência Farmacêutica da SES-MG aceitou o nosso convite e viabilizou a vinda de centenas de farmacêuticos de todo o estado. Essa parceria reforça o nosso compromisso de contribuir para a constante melhoria do sistema público de saúde, com integração e participação cada vez mais consistente do farmacêutico”, reforçou.

Elaine também frisou que como farmacêuticos, é sempre possível contribuir com a melhoria da saúde coletiva. “Nosso papel é crucial como promotores da saúde e precisamos estar preparados para implementar a assistência farmacêutica como política de saúde, promovendo o acesso aos medicamentos com orientação e acompanhamento adequados”, concluiu. 
 
Estiveram também presentes na mesa de abertura o presidente do Conselho Regional de Farmácia de Minas Gerais (CRF-MG), Luciano Martins Rena Silva, o presidente do Conselho Federal de Farmácia (CFF), Walter da Silva Jorge João, o diretor-adjunto da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Pedro Ivo Sebba Ramalho, o vice-prefeito de Belo Horizonte, Paulo Lamac, e as diretoras do CRF-MG, Júnia Célia de Medeiros e Gizele Souza Silva Leal.
 
Logo após a abertura, o professor Divaldo Pereira Lyra foi convidado para proferir a palestra magna sobre novas oportunidades das ciências farmacêuticas. Segundo ele, a América Latina é a região que mais utiliza medicamentos no mundo, sendo preciso repensar sobre esse uso, uma vez que ele pode fazer tanto bem quanto mal.

“Um dos nossos desafios é trazer mais qualidade, efetividade e segurança à população. Todos estamos sujeitos aos riscos que os medicamentos podem trazer à saúde e é preciso problematizar essa questão”, afirmou.

A abertura do evento foi finalizada com o stand up do humorista Thiago Carmona. Com uma linguagem leve, Carmona tratou sobre temas do cotidiano da profissão farmacêutica, estimulando também o pensamento empreendedor em relação à vida e uma utilização inteligente da criatividade na busca da realização pessoal e profissional.
 
I Congresso de Assistência Farmacêutica do SUS

O Conselho Regional de Farmácia de Minas Gerais, em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (SES-MG), por meio da Superintendência de Assistência Farmacêutica (SAF), promovem, durante o 14º Congresso de Farmácia e Bioquímica de Minas Gerais, o I Congresso de Assistência Farmacêutica do Sistema Único de Saúde de Minas Gerais (SUS). O evento tem como tema central o Programa Farmácia de Todos e o Papel do Farmacêutico na Consolidação do SUS. 
 
Durante os dias 11 e 12 de agosto (sexta-feira e sábado), os profissionais terão a oportunidade de aprimorar os conhecimentos e discutir sobre as principais diretrizes da Política Estadual de Assistência Farmacêutica, além de permitir o intercâmbio interdisciplinar entres pesquisadores, gestores e profissionais inseridos na atenção à saúde. A programação do evento ocorre no Auditório Topázio (1.700 lugares) e está aberta a todos os participantes do Congresso. 
 
Com I Congresso de Assistência Farmacêutica no SUS de Minas Gerais, o CRF-MG consolida a parceria com a SES-MG, por meio da SAF, e destaca o profissional farmacêutico como fundamental para excelência dos serviços prestados na saúde coletiva.

Mais informações em: www.crfmg.org.br/congresso

Outras informações sobre a Saúde em Minas Gerais:
Assessoria de Comunicação da SES-MG
(31) 3916-0613 / (31) 3916-0614 / (31) 3916-0615 /  (31) 3916-0616 /  (31) 3916-0617 /  www.saude.mg.gov.br



Últimas